Sinais do Futuro

Sinais do Futuro

Denise da Cruz, presidente da associação Casa Brasil de Liechtestein, escolheu como tema do IV Juni Fest 2017, Sinais do Futuro, abrindo suas portas para artistas, curadores e escritores exporem seu património artístico e cultural no Principado de Liechtenstein.
Agradecemos a contribuição da Editora Assis de Uberlândia, Minas Gerais, representada por sua fundadora, a escritora e poetisa Ivone Assis, juntamente com a Professora Rosana Abbiati Spacek, apresentando uma obra especialmente dedicada aos sinais do futuro, focando um dos mais importantes ecossitemas brasileiros: o cerrado.
Por trás das folhagens obra bilíngue, consequência do projeto “Jacarandá, entre o choro e a proteção, poesia” é um convite para a análise sobre o valor da sustentabilidade e alguns assuntos polêmicos ligados direta e indiretamente ao tema. Sem perder a suavidade das palavras, 12 autoras e autores descrevem, em forma de ensaio literário, questões que convidam a refletir a fauna e a flora de uma das regiões mais importantes das Américas.
Ivone Gomes Assis, organizadora do projeto, nos emocionou com sua dedicatória, pois assim como a poetisa Ivone acreditamos juntas na responsabilidade de cada um para com os temas que nos unem e inspiram. Mesmo separadas por um oceano, fomos unidas para a disseminação dessa semente de paz entre continentes.

Autores participantes da obra:
Ademar Inácio da Silva
Aline Venâncio
Angela Marcia de Souza
Darli Rodrigues de Paula Martins
Eliamar Cavallero
Evandro Valentim de Melo
Iria Maria Urnau
Louise Bogéa Ribeiro
Nélsi Inês Urnau
Maria Raquel Ordones Silva
Rita de Cassia Peripato
Rosana Abbiati Spacek

Curadora: Alexandra Magalhães Zeiner
Escritora brasileira e Embaixadora da Paz na Alemanha

Fotos: Giselle Fritzke